sexta-feira, 30 de julho de 2021

segunda-feira, 26 de julho de 2021

Diz que é uma espécie de tentativa de escrever cenas fofinhas, mas num fofo fixe.

 

Je ne comprends pas,

ces gens là

qui, parfois,

donnent leur langue au chat.



La mienne,

ne t'en fait pas,

elle n'est que tienne,

rien qu'à toi,

mon Fa.


nota: aviso que a fotografia foi tirada com um filtro do telemóvel, só para a maltinha não ficar preocupada comigo.

quarta-feira, 21 de julho de 2021

Segunda dose:

 


Ontem.


Passaram exactamente vinte e quatro horas e,  até agora - como aconteceu com a primeira dose - estou sem sintomas.


Falta esperar mais catorze dias.


E a maltinha, hein?

Quero toda a gente vacinada, carago!




Obs: como podem ver - se abrirem os olhos - desta vez, levei a vacina no braço direito. por razões de segurança, disse-me o senhor enfermeiro. viu o meu braço esquerdo tatuado e não quis nada com ele. cá para mim, o que ele quis foi deitar por terra o brilhante slogan que criei para o meu post da primeira dose. a mim não me engana ele. desmancha-prazeres é o que ele é.