terça-feira, 4 de outubro de 2016

Bolachita♥

















[Sou mesmo uma mãe desnaturada.
Mas, mais do que isso, uma mãe genuina e profundamente despistada. Do pior que pode haver. Do mais ridículo que possam imaginar.

Aqui fica mais uma prova do que acabo de dizer e que a maioria de vocês já está farta de saber.
No sábado passado, entre um e outro dos inúmeros afazeres a que a data obrigava, vim aqui ao casebre para publicar este post. 
Tentei ser rápida, pelo motivo que referi na linha anterior. Consegui sê-lo. Fiquei satisfeita da minha eficiência. Suposta eficiência, assim é que é.

Ou seja, em vez de clicar no rectângulo do Publicar, cliquei naquele que se encontra mesmo ao lado (sim, pode considerar-se uma desculpa aceitável para o meu erro), o rectângulo do Guardar. E o mais engraçado, sem ter graça nenhuma na verdade, é que não me apercebi de nada. Para mim, tinha feito a coisa bem feita. Desliguei o computador e continuei na minha lida.

Porém, hoje, ao ler uns comentários da Sarah e da Anouska - dando os parabéns à Bolachita - fiquei a matutar na coisa. 
Esperem lá... mas então ninguém, até agora, tinha dado os parabéns à menina-dos-meus-olhos? Então, viram aquele (que é este, não se baralhem todos) post e não foram capazes de felicitar a minha menina-mais-linda? A malta está a aprender comigo, só pode, cada vez mais insensível. Apre.
Isto foi, traduzindo por miúdos, mais ou menos o que pensei na altura.
Fui à procura do dito post (que é este, volto a frisar) para ver se me tinha escapado algum comentário. E, estranheza das estranhezas, não encontrei o post nos textos publicados. 
Esperem lá... querem ver que me censuraram o raio do post?, lembrei-me eu.
Nada disso. O post estava guardadinho com os outros cento e setenta e oito que ainda não me dei ao trabalho de publicar.



Não tenho emenda.
Não tenho mesmo.
Distraída forever.
Esta é a minha sina.
Ou uma das, vá. Que, só por mero acaso, tenho outra. De um metro e oitenta e tal.]

12 comentários:

  1. Parabéns atrasados à bolachita e à mamã ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Estudante! Acho que também mereço, sim. ;D

      Eliminar
  2. Então parabéns à "piquena" e a quem lhe fez as orelhas (muito bem feitinhas, por sinal ;))
    O atraso é por tua conta :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eheheh! Muito obrigada, Sci! (tudo nela. nem sei como consegui. :p)
      Isso dizes tu. Já dei o meu ponto de vista por aí. ;p

      Eliminar
  3. Já foi no sábado? Bem não importa, um beijinho para a bolachita e outro para ti, parabéns!

    beijinho Grande,
    FATifer

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Yep. O tempo voa. :) Claro que não importa. Todos os votos que vierem, até ao final deste ano, serão bem vindos. ;p

      Beijo gordo, FAT.

      Eliminar
  4. Mam´Zelle,
    No outro post passei mesmo à pressa, mas quis deixar o beijinho à aniversariante.
    (Também sou cabeca-no-ar :D nao deixei os beijinhos ...)

    Parou tudo!!!
    Tambores e cornetas :D
    Vores afinadas e ...
    ssiiiggggaaaaaaaaaaaaaa

    Bolachita,
    "Nossa" gata
    Tens tres anos
    Um sorriso encantador, uma alegria contagiante,
    o que torna o MUNDO da Mam´Zelle ainda mais radiante!!!

    Beijos e abracos para as meninas mais fixes da internet e arredores ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou a ver que andas muito atarefada, comadre. E quem paga as favas é aqui o meu mais velho, que fica sem as tuas visitas assíduas. Malvadinha, tu… ;p


      Uauuuuu!! Tu tens talento, pá. Adorei. ;D

      Obrigada e beijinhos grandes para ti e para o meu genro-mai'-lindo!

      Eliminar
    2. Não te preocupes, eu consegui chegar lá. ;)

      Eliminar
  5. Parabéns à Bolachita! (agora, no post "certo") :P
    Ui, para além de insensivel a menina Mam'Zelle tambem é despistada :P botao do guardar wm dez do publicar: Quem nunca? Q

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. (Insiste... Martiriza-me mais um tico. Sua má! ;p)
      Ai porque ainda não te tinhas apercebido, menina Anouska? Também andas meio distraída, não? ;p
      Boa pergunta… E acredito que haja muito boa gente a responder: “eu”. Sortudas. :)

      Eliminar