sexta-feira, 6 de março de 2015

Dúvida existencial do momento #6


Estava para aqui a pensar no dia de amanhã. E surgiu-me uma pequena dúvida.


Onde será que se deve bater num gajo, para lhe doer à séria, mas sem ter de pontapear o baixo-ventre? É que o objectivo não é deixá-lo incapacitado para o resto da vida. É só mesmo vê-lo sofrer um tico. Tipo, uma semanita inteira.

Agradecida a quem me puder e quiser ajudar.

10 comentários:

  1. É peludo o gaijo?? Depilação com cera quente!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahahah! Essa era boa. Mas de difícil execução. Não o estou a ver, ali quietinho, enquanto lhe espalho a cera para lhe arrancar os pêlos. E depois, tinha de ir comprar essa cena da cera e não me apetece gastar dinheiro. Prefiro fazer o serviço sem outras armas que não sejam as minhas lindas mãos (ou pés…).

      (quanto à tua pergunta, já estás a querer saber mais do que eu... ;p)

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Não é caso para tanto. Estou numa de dor física, mesmo. :)

      Eliminar
  3. Só uma semana? as ideias são muitas, agora teria de fazer muitas perguntas para dar ideias e daí talvez não pois iria dar "armas" ao "inimigo".

    bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uuuuuursoooooooo! Estás de volta? Estás? Diz que não foi só uma visitinha de médico. Diiiiiiz! ;D

      Hum… agora que perguntas… achas que estou a ser branda, certo? isto não é nada meu, certo? ando a perder qualidades, certo? ;)
      A sério? Tens muitas ideias? Conta! Conta!
      (‘inimigo’? eu? Mau, mau, Urso… :p)

      Uma óptima semana para ti!

      Eliminar
  4. O que tiveres que fazer, que seja ao som do American woman.

    :p

    Ass: Uma gaja toda boa só que afinal é gajo. (eunuco)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada pela sugestão, querida(o?) anónima(o?).


      Ass: Mam’Zelle, a gaja que não é toda boa mas que, seguramente e por incrível que pareça, consegue ser mais ‘gajo’ do que muito gajo por aí. (ah pois.)

      Eliminar
  5. Uiiii é amanhã.
    Porrada, porrada, porrada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha-me este, agora, a alucinar.
      Amanhã? Foi há mais de um mês, palerma. Muito obrigada na mesma, pela sugestão. Até porque, a parte da porrada, já eu sabia. Não estava era a ver o sítio certo para a administrar. Mas desenrasquei-me, fique descansado.

      Eliminar