quinta-feira, 30 de maio de 2013

Ainda sobre aquela coisa dos clichés


Nunca quis saber deles. Sempre achei que eram uma treta pegada (e alguns, para mim, continuam a sê-lo, atenção). Mas, de há uns quantos meses para cá, tive de me render às evidências. Primeiro, foi aquele de que as coisas acontecem quando menos se espera. Lembram-se? Pois bem. Tive de concordar. Tive de admitir que é uma verdade. Pelo menos, para mim, foi mesmo assim, naquele momento. E foi bom. Assustador. Com um período de receios e dificuldade em acreditar, mas imensamente bom. Intensamente bom. Intrinsecamente bom.

O problema é que a revelação da veracidade de um cliché nunca vem só. E, poucas semanas depois, fui apanhada por outro. Sempre que algo muito bom acontece, algo muito mau está para acontecer. E foi mesmo. A boa notícia não podia ser vivida em pleno. Tinha de aparecer outra para estragar tudo. Enfim, tudo também não, que a boa notícia não desapareceu. Continua cá, continua viva. E ainda bem que assim é. Mas a má não deixa que a felicidade seja total. A má não deixa uma pessoa estar inteiramente feliz. E é complicado. É duro. É lixado. É mesmo.

Amanhã, vou para França. Pela primeira vez, não é por um bom motivo. Minto. Pensando melhor é a segunda. A primeira vez, já lá vão doze anos e meio. Pouco depois de ter regressado a Portugal, perdia a Mamie Z. Vou com a mesma esperança do que há doze anos atrás. Espero não ter de perder, desta vez. Aliás, acredito, com todas as minhas forças que, desta vez, a coisa má deixará de o ser. Quero acreditar que se pode alterar o cliché. Quando algo muito bom acontece, algo mau aparece pelo caminho porque temos mais forças para o superar e superamo-lo. Assim é que deveria ser. E, espero, assim será. Melhor dizendo, creio convictamente que não poderá ser de outra forma.


 



Até já, malta.

22 comentários:

  1. Não sou bom em despedidas fica um...até já :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas quem falou em despedidas, Leitor? Eu volto :)

      Eliminar
  2. Força então e que corra bem e sem clichés desta vez!

    ResponderEliminar
  3. Espero que tudo corra bem! Mesmo!!!

    um beijinho

    ResponderEliminar
  4. Que o cliché seja "quem espera sempre alcança", para que o que esperas desta viagem se concretize :) *

    ResponderEliminar
  5. Respostas
    1. Obrigada, cinquentinha. Na medida do possível, correu bem, sim.

      Eliminar
  6. Até já querida Moustachinha.
    Do fundo do coração te desejo que tudo corra bem!

    ResponderEliminar
  7. Que tudo te corra bem Mam'Zelle.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Olá...
    Gostei muito do teu cantinho...
    Sou nova na blogosfera como blogger mas já cá navego há bastante tempo como leitora...
    Parabéns pelo excelente trabalho que tens feito no teu Blog...
    O meu cantinho é:
    dollhighheels.blogspot.pt
    Se puderes dá uma espreitadela e se gostares segue-me...
    Bjokas
    Bruna

    ResponderEliminar